A CIDADE

foto-aerea-cidadeJoão Câmara é um município do interior do estado do Rio Grande do Norte, que fica a 74 km de distância da capital Natal, fundado em 28 de outubro de 1928, localizado na microrregião da Baixa Verde  e, também, conhecido como Terra dos Abalos ou Baixa Verde. De acordo com o censo realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), sua população é de 34.585 habitantes. Sua área territorial é de 714, 961 km².

foto-parque-eolicoO trabalho de construção da Estrada de Ferro Central do Rio Grande do Norte – EFCRN fez permanecer em Matas, primeira denominação do Município, uma turma de “cassacos” que, juntamente com a “parada”, inaugurada em 1910, consagrou a estabilidade da povoação iniciada.  Matas, que em 28 de outubro de 1928 passou a chamar-se Baixa Verde, em 1953 teve seu topônimo novamente mudado para João Câmara, justa homenagem a João Severiano da Câmara, primeiro prefeito de Baixa Verde, onde estabeleceu seu domínio econômico. Contribuiu para a valorização do Município, desenvolvendo a indústria, abrindo estradas, ampliando áreas produtivas e prestando assistência social.  A formação Administrativa do distrito criado com a denominação de Baixa Verde deu-se pela lei municipal nº 2, de 22-12-1892, sendo subordinado ao Município de Taipú. Pela lei estadual nº 899, de 19-11-1953, o distrito de Baixa Verde passou a denominar-se Município de João Câmara.

A cidade é conhecida mundialmente pela grande quantidade de tremores de terra, sendo a mais estudada atividade sísmica já observada no Brasil.

foto-estacao-ferroviariaJoão Câmara, atualmente, é apontada como uma das cidades com maior potencial turístico do Rio Grande do Norte, com a belíssima Serra do Torreão. O Torreão que ganhou esse nome por sua estrutura pontiaguda e alta, possui aproximadamente, mais de 160 metros de altura, com fauna e flora estipulada em mais de 600 tipos de espécies (algumas já estudadas por cientistas internacionais), a serra está localizada nas proximidades da comunidade do corte. Em algumas épocas do ano a sensação térmica na sua escalada chega a 14 ºC.

 

 

 

 

foto-acude-torreaoA cidade ainda possui vários Parques Eólicos, localizados, principalmente, na comunidade de Queimadas, onde, a partir de estudos feitos foi apontado o potencial dos ventos na região, para gerar energias renováveis. O Resultado da obra trouxe ao município um número extenso de imigrantes vindo de várias regiões do País e do Exterior, proporcionando a geração de empregos diretos e indiretos, impactos sociais, desenvolvimento urbano e comercial, além de uma admirável paisagem.